Poderosa Gaia


Sensacional a foto publicada na capa do Zerohora.com, no início desta tarde pós-ciclone em Porto Alegre. A imagem de devastação foi flagrada na calma Rua Machado de Assis, no bairro Partenon, e suscita assombro e pavor perante a força da Natureza, para usar um clichê mais-que-batido.

Quantos anos foram necessários para que essas árvores atingissem esse diâmetro? Em quantos segundos elas foram arrancadas pelo vento?

Quanto pesa uma árvore dessas? Você conseguiria arrancar uma delas do chão, leitor?

Bill Bryson, no excelente livro “Breve História de Quase Tudo”, diz que a energia gerada por um único temporal poderia suprir as necessidades de eletricidade do Reino Unido por um ano (!).

Estamos para o planeta como uma formiga está para uma criança capaz de destruir um formigueiro sem o menor esforço. O mínimo que podemos fazer é ter um pouco de humildade no trato com Gaia.

Anúncios

A volta do blogue que não foi

Pressionado pelo presidente Lula, que exigia o seu retorno à blogagem, o Editor deste blogue brindou o dignitário supremo da nação com uma réplica assaz peremptória:

— Mi gran comandante, só volto a blogar se o Partido Colorado perder no Paraguai, se o Brasil ganhar o Investment Grade ou se houver uma grande enchente no Nordeste.

Dias depois, é hora de cumprir a promessa.

Quando as forças do Destino conspiram com tal veemência, é prudente cumprir os seus desígnios.